Sexta-feira, 23 de Abril de 2021, 14:49h

Dia Mundial do Transtorno Bipolar

Publicado em: Segunda-feira, 05 de Abril de 2021, 12:06h - Por: Ascom CREFITO-14

Anualmente comemorado, em 30 de março, o Dia Mundial do Transtorno Bipolar, é uma homenagem ao aniversário do pintor holandês Vincent Van Gogh, que foi diagnosticado, postumamente, como provável portador do transtorno. A data tem como objetivo chamar a atenção mundial para os transtornos bipolares, eliminar o estigma social e levar informação à população, educando e sensibilizando para a doença, que representa um desafio significativo para pacientes, profissionais de saúde, familiares e comunidade.

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), o Transtorno Afetivo Bipolar (TAB) atinge atualmente cerca de 140 milhões de pessoas no mundo e é considerado uma das principais causas de incapacidade. O TAB consiste tipicamente em episódios de mania e depressão, separados por períodos de humor normal. O transtorno bipolar não tem cura, mas pode ser controlado. O tratamento inclui o uso de medicamentos, psicoterapia e mudanças no estilo de vida, tais como o fim do consumo de substâncias psicoativas,o desenvolvimento de hábitos saudáveis de alimentação e sono e redução dos níveis de estresse.

A terapia ocupacional tem como papel fundamental, desenvolver estratégias para viabilizar uma melhora na qualidade de vida do sujeito afetado, assim, promovendo o máximo de autonomia ao paciente, dentro de suas possibilidades, contribuindo para sua independência na realização das atividades diárias. Isso é feito através de um conjunto de ações pensadas para facilitar, desenvolver e retomar essas habilidades, diminuindo e corrigindo os danos causados pelas patologias. A psicoterapia familiar é indicada para que pacientes e familiares consigam identificar, em suas relações cotidianas, atitudes e comportamentos que possam predispor ao desencadeamento dos sintomas. As atividades de orientação psicoeducacional, por sua vez, concorrem de forma significativa para difundir e compartilhar informações sobre a doença e seu tratamento entre todos os envolvidos. Trate!


Fonte: Tratamento, conscientização, crefito14.